Slide 2 Heading
Lorem ipsum dolor sit amet consectetur adipiscing elit dolor
Click Here
Slide Heading
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Ut elit tellus, luctus nec ullamcorper mattis, pulvinar dapibus leo.
Click Here
Previous
Next

Capacitação de Jovens Ativistas pelo Trabalho Decente

SOBRE

Em cada cantinho da Bahia existem jovens que acreditam na possibilidade de um mundo melhor. Existem jovens ativistas, jovens líderes de comunidade e de bairros, jovens que constroem lutas feministas, LGBTQI+, jovens que combatem o racismo, pessoas com deficiência, indígenas, quilombolas, que defendem a agricultura familiar e várias questões e demandas que visam melhorar em algum aspecto nossa sociedade.

As questões abordadas por diferentes lideranças, gestores e cidadãos serão tratadas aqui sob o olhar do Trabalho Decente. Isso mesmo! O TRABALHO DECENTE, é aquele trabalho que dá dignidade ao individuo para fazer seu corre, ganhar seu salário de forma justa e com todos os seus direitos trabalhistas garantidos. Porque ter condições de vida digna para estar numa sociedade é um direito assegurado por lei.

No curso você vai encontrar várias propostas de disciplinas como conceito de trabalho decente, comunicação, como fazer projeto para edital, descomplicando as finanças para seu empreendimento e vida pessoal, democracia, ser jovem ativistas e várias outras temáticas que podem lhe ajudar, ajudar sua organização ou empresa a organizar-se.

Então, se ligue! Temos várias opções de disciplinas divididas em QUATRO CICLOS. No primeiro ciclo você precisa escolher pelo menos UMA OBRIGATÓRIA, e as demais disciplinas você pode escolher de acordo com sua demanda ou afinidade. Você monta seu curso como desejar e acessa no momento do seu dia que puder, só temos três regras:

1. Para você ser certificado precisa fazer 160 horas do curso, isso quer dizer que você precisa escolher no mínimo QUATRO disciplinas. Ah! Seu certificado será pela Universidade Federal da Bahia.

2. Lembre que UMA DISCIPLINA é obrigatória: a do primeiro ciclo.

3. Fique em alerta aos prazos de estudo e realização das avaliações.

No mais? Vem com a gente!

Juventude e trabalho decente

Perguntas frequentes

 

O curso é ao vivo?

Não, as aulas do curso são gravadas e você pode assistir no horário que quiser, quantas vezes quiser.

 

Por quanto tempo o curso estará disponível?

Após a confirmação da matrícula o curso ficará disponível por 03 meses para a conclusão

 

Não recebi os dados de confirmação. O que eu faço?

O e-mail com os dados de acesso pode ser considero spam. Por isso, cheque o seu lixo eletrônico. Se mesmo assim não tiver recebido, envie uma solicitação para suporte@mundoead.com.br. O suporte funciona de segunda a sexta, em horário comercial. Caso faça alguma solicitação fora desse período, aguarde a resposta.

 

Cadastrei meu e-mail errado. Como posso alterar?

Envie uma solicitação para suporte@mundoead.com.br. O suporte funciona de segunda a sexta, em horário comercial. Caso faça alguma solicitação fora desse período, aguarde a resposta.

 

O curso terá certificado?

Sim, O certificado será emitido pela UFBA como um curso de extensão dessa forma ele será emitido até 90 dias após a conclusão do curso.

 

Esse certificado pode ser aceito em instituições de ensino?

Sim, por ser certificado pela UFBA muitas instituições de ensino superior aceitam como comprovação do cumprimento das horas complementares.

 

Tive problemas com o certificado. O que fazer?

Se você teve alguma dificuldade para baixar seu certificado ou nome exibido no certificado está incorreto, envie um e-mail para: cemjsecretaria@gmail.com.

 

Preciso fazer todas as disciplinas para ter o certificado?

Não, para receber o certificado você deve completar 04 disciplinas a sua escolha. Porém é necessário que pelo menos 01 disciplina seja do eixo 01

 

Quantas disciplinas eu devo fazer para receber o certificado

Para receber o certificado você deve completar 04 disciplinas a sua escolha. Porém é necessário que pelo menos 01 disciplina seja do eixo 01

 

Posso fazer mais de 04 disciplinas?

Sim, o mínimo de disciplinas cursadas para obter o certificado é de 04, porém não há um número máximo de disciplinas.

 

Quantas vezes posso assistir cada aula?

Você pode assistir às aulas quantas vezes desejar durante o período de 03 meses, a contar a partir da data da confirmação da matrícula.

 

Posso fazer download dos vídeos das aulas?

Não é possível fazer download dos vídeos, mas você poderá assisti-los durante o período de 03 (três) meses, a qualquer hora.

 

Posso fazer o download do material de apoio?

Sim.

EMENTAS

EIXO I – Trabalho na Sociedade Brasileira Contemporânea e o compromisso da OIT com o Trabalho Decente

Disciplina: Juventude, Trabalho e a UBERIZAÇÃO no Brasil

Professsor: Euzébio Jorge Silveira de Sousa

A disciplina propõe tratar da temática da juventude a partir das transformações do mundo do trabalho geradas pela economia de plataforma e ocupações uberizadas. A partir de uma abordagem estrutural, a disciplina tratará de quatro eixos: O primeiro trará dados empíricos da inserção laboral dos jovens na Bahia, no Brasil e no mundo; O segundo tratará da interseção dos temas juventude, classe e o subdesenvolvimento brasileiro (Centralidade no mundo do trabalho); o terceiro eixo apresentará a inserção dos jovens no mundo do trabalho a partir das novas tecnologias e da economia de plataforma; e o quarto trará a agenda de trabalho decente.

Disciplina: Educação e as capacidades necessários ao novo mundo do trabalho

Professora: Déborah Irineu

Formas de organização e gestão do trabalho (Fordismo, taylorismo e Toyotismo), as mudanças no mundo do trabalho e as novas exigências formativas dos trabalhadores/as. Competências socioemocionais como fator-chave para o suporte no desenvolvimento de outras competências profissionais. Consequências dessa lógica de competências no mundo do trabalho e a defesa do Trabalho Decente. Projeto de Vida e Educação como condições essenciais para entrada, permanência e crescimento no mundo do trabalho.

Disciplina: Classe, Raça e gênero: Desigualdades estruturais no Mercado de trabalho Brasileiro

Professora: Larissa da Silva Fontana

Aborda as relações de classe, raça e gênero na sociedade brasileira e latino-americana. Formação social do Brasil e a história das subalternizações que geram as desigualdades estruturais refletidas no mercado de trabalho. O Trabalho Decente como forma de combater as desigualdades estruturais. Apresenta o conceito de Maioria Minorizada e cidadania mutilada como fruto desse processo histórico. 

Disciplina: Sistema de relações de trabalho e os direito trabalhista no Brasil

Professsores: Alisson Droppa e Magda Barros Biavaschi

A disciplina visa a discutir a construção e a relevância do sistema público de proteção ao trabalho (que envolve as normas trabalhistas e as instituições incumbidas de dar-lhes eficácia) no Brasil após 1930, pari passu ao processo de industrialização, passando por  normas esparsas, pela Consolidação das Leis do Trabalho e chegando, com idas e vindas, à Constituição de 1988, bem como seu processo de desconstrução, com ênfase à reforma trabalhista de 2017 e às medidas provisórias editadas durante a pandemia.

EIXO II – As Juventudes e o Mundo do Trabalho no Século XXI: Inclusão com Dignidade

Disciplina: Sustentabilidade e o mundo do trabalho: geração de emprego e renda respeitando a natureza e os povos e comunidades tradicionais

Professora: Karen Castelli

Sustentabilidade: Conceitos, princípios e desenvolvimento ambiental. Comunidades tradicionais e métodos de utilização do meio ambiente. As relações entre as comunidades tradicionais e a sustentabilidade. Agroecologia como estratégias de desenvolvimento sustentável. Experiências de desenvolvimento sustentável como estratégia de empoderamento e senso de pertencimento das comunidades no Brasil e na Bahia.

Disciplina: O subemprego e a população LGBTQI: Experiências de acesso digno ao mundo do trabalho.

Professor: Andrey Lemos

Comunidade LGBTQIAP+: Conceitos básicos, Dados de Vulnerabilidade LGBT, entendendo a LGBTfobia e as desigualdades que ela gera, O que fazer em caso de Violência LGBTfóbica, Organização e Luta por direitos, desafios no ambiente da educação, LGBTs e o mercado de trabalho, enfoque na comunidade Travestis e Transexual, Cadeia Produtiva Pink Money e boas práticas empresariais, legislação, protocolos e empreendedorismo LGBTs.LGBTs e a Covid 19.

 

Disciplina: Economia Solidária e o Trabalho digno: Conceitos e melhores práticas

Déborah Irineu

Economia solidária: origens históricas e os princípios da economia solidária. Economia social e solidária e crise do trabalho. As relações do cooperativismo com a economia solidária Experiências Solidárias no Brasil e na Bahia.  Economia Solidária como estratégia de empoderamento e protagonismo juvenil.

 

Disciplina: Direitos Humanos e o Mundo do Trabalho

Professores: Vera Gers Dimitrov e Victor Grampa

A construção dos Direitos Humanos no século XX. O surgimento da Organização Internacional do Trabalho (OIT) e da Organização das Nações Unidas (ONU). A Declaração Universal de Direitos Humanos de 1948. Direitos Humanos e Direitos trabalhistas no Brasil. Trabalho escravo no Brasil: conceito, cenário atual, meios de combate e prevenção. O trabalhador migrante no Brasil.

 

Disciplina: Inserção das Mulheres no mundo do trabalho: Da produção à reprodução da força de trabalho.

Professores: Mariana Venturinni

A dinâmica entre trabalho produtivo e trabalho reprodutivo: entre a produção de valor e a reprodução social. A divisão sexual do trabalho, sua gênese e atualidade na sociedade brasileira. Divisão social do trabalho: subalternização e desvalorização do trabalho feminino, não-branco e juvenil.

  • Divisão sexual do trabalho no capitalismo: trabalho produtivo e trabalho reprodutivo
  • Formação do mercado de trabalho no Brasil – generificação e racialização de setores e atividades econômicas
  • Trajetória feminina no mercado de trabalho brasileiro 1980 / 2016
  • Mulheres e políticas públicas
  • A restauração neoliberal pós 2016 e a precarização do trabalho feminino
  • O trabalho das mulheres na pandemia: marco da sobrecarga e invisibilidade
  • Mulheres, negros e jovens e a agenda do Trabalho decente hoje
  • Agenda do trabalho decente para as mulheres na Bahia
  •  

EIXO III – Trabalho Cooperativo, Associativismo e Geração de Renda

 

Disciplina: Juventude agricultora e o Associativismo

Professor: Elvio Aparecido Motta

Contexto histórico e sociocultural da agricultura com ênfase na agricultura familiar. A importância da juventude para sua coexistência e o associativismo como estruturante para sua manutenção e consequente fortalecimento. Processo de socialização de territórios nas ações práticas das comunidades indígenas; Processo de socialização de territórios nas ações práticas das comunidades de povos tradicionais; Diversidade sociocultural no rural brasileiro; Lutas pelo acesso à terra e defesa dos territórios;  Agroecologia e soberania alimentar; Popularização do consumo do alimento agroecológico e orgânico como estratégia da manutenção da saúde; Juventudes, relações de trabalho e sucessão rural;  Valorização e afirmação do trabalho feminino na agricultura familiar; Associativismo e cooperativismo como estruturante para a manutenção da agricultura familiar;  Acesso a saúde  e a educação como direito.

 

Disciplina: Elaboração e Gestão de projetos do terceiro setor e parcerias com poder público

Professor: Rodney Moreira

Elaboração e Gestão de Projetos do Terceiro Setor. Documentos de Organização. Manual de Regulamentação das Organizações Sociedade Civil. Compreendendo edital, elaboração e gestão de projetos. Recursos de projeto: gestão e execução. Contabilidade e responsabilidade com os recursos captados. Redes de computadores e sistemas .ORG. E .GOV. Prestação de Contas do projeto.

 

Disciplina: Economia criativa e Empreendedorismo na geração emprego e renda

Professora: Bruna Almeida

Empreendedorismo: conceitos e definições. A Importância do Empreendedorismo para uma sociedade.  Empreendedorismo e a realidade Brasileira: empreender necessidade x oportunidade. O Perfil e as características do empreendedor: as habilidades e competências necessárias aos empreendedores. O que é a economia criativa. A economia criativa no Brasil e no mundo. Como empreender e impactar positivamente o mundo? (empresas b, negócios de impacto social). Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável na ONU e a Agenda do Trabalho Decente. A identificação das oportunidades de negócios: Tipos de negócios tradicionais e startups. O que é um Plano de Negócios. Conceitos e definições; A estrutura do Plano de Negócio. Conhecendo o “eu empreendedor criativo” com a Creative Entrepreneur Mandala (Mandala do Empreendedor Criativo. Elaboração do Plano de Negócio. Design Thinking e Brainstorm. Prototipar e planejar antes, 5W2H.

 

Disciplina: Comunicação e divulgação digital para ativistas sociais

Professor: Charlley dos Santos Luz

A comunicação digital possibilita amplificar ações, pensamentos e conteúdos. A partir do questionamento da estrutura de comunicação social brasileira, iremos abordar formas de mobilização e propagação de ideias tanto para comunidades locais quanto para audiência mundial. Compreender as etapas e processos de Marketing Digital, as Ferramentas de Presença,  e a discussão de eventos e conteúdos colaborativos estruturados a partir de redes sociais é explanada a partir do conhecimento de ferramentas de marketing digital.

 

Disciplina: Captação e gestão financeira de recursos para projetos

Professor: Karine Oliveira

A disciplina trará um contexto sobre formas de captação de recurso, desde as tradicionais como editais, crédito e financiamento, como outros novos olhares para captação. Formas populares e ancestrais de captação de recursos, bem como uma jornada de como aplicar e gerenciar esses recursos.  Um novo olhar sobre captação de recurso: Perspectiva histórica e ancestral. Se preparando para a grana: Planejamento Financeiro Inicial. Orçamento! um mal necessário. Formas de captação de recurso tradicionais. Formas de captação de recursos inovadoras. Formas de captação de recursos periféricas. Executando um plano de ação, hora da mão da massa. Prestação de contas: princípios éticos. Análise Financeira: começando o ciclo novamente! Máscaras por nós! Uma experiência de Black Money na prática.

 

EIXO IV – Juventudes, Diálogo Social, Participação, Políticas Públicas E Trabalho

 

Disciplina: Juventudes Trabalhadoras e Ação Sindical no Brasil

Professora: Luiza Bezerra

A conjuntura atual de crise econômica e os impactos na classe trabalhadora, com ênfase na juventude trabalhadora. Ação sindical no Brasil e seu entrelaçamento com as lutas das juventudes, analisando as dificuldades e potencialidades desse encontro. Diferentes experiências sindicais juvenis no Brasil e no mundo e as possíveis formas de ação sindical a ser desenvolvida pela juventude.

 

Disciplina: Movimentos Juvenis e sua memória

Professor: Fernando Garcia de Faria

Aspectos do panorama histórico e memorialístico dos movimentos juvenis do século XIX à atualidade. Aponta as diversidades culturais, políticas e de mentalidade, com ênfase nos principais movimentos políticos juvenis. Busca os pilares que levam a organização juvenil como fenômeno circunscrito no tempo, no espaço e na relação com outros movimentos sociais. O curso se baseia na análise de documentos e textos consagrados que caracterizam a juventude como ente imanente da expansão do capitalismo.

 

Disciplina: Democracia participativa e a construção do trabalho decente: Orçamento Participativo, Conselhos e conferências

Professor: Rodney Moreira

Conceitos Agenda do Trabalho Decente: Contextualizando. Democracias e a Participação das Juventudes no mundo do trabalho. Construção da Agenda do Trabalho Decente. Organização Internacional do Trabalho – OIT. A formação dos Conselhos e as Conferências: Como Acontece? O que é um Orçamento Participativo. Os jovens que trabalham e o acesso ao trabalho decente. A proposição de um índice – Índice do Trabalho Decente. Conselhos e a Agenda do Trabalho Decente.

 

Disciplina: Convenções da OIT

Professor: Renato Soares Bastos

Serão apresentados e desenvolvidos os principais elementos do Sistema Internacional de Proteção ao Trabalho Decente e sua presença no ordenamento jurídico brasileiro: O que são direitos humanos fundamentais? Os direitos humanos fundamentais sociais e trabalhistas; A Organização Internacional do Trabalho – OIT e o Sistema Internacional de Proteção ao Trabalho Decente; Noções de Direito Público Internacional; A internalização no direito brasileiro das convenções da OIT; Os direitos fundamentais e o trabalho decente na Constituição Federal; As principais convenções da OIT; A OIT e a Agenda Nacional do Trabalho Decente para a Juventude; Juventude e participação na política internacional.